Componentes

AGORA abrange a aquisição de dados de fontes heterogêneas (dados oficiais, sensores estáticos e móveis, e informação geográfica voluntaria), a integração e a garantia de qualidade, bem como aplicações de apoio a decisão e o envolvimento dos cidadãos. A arquitetura do projeto, mostrando a relação entre os diferentes componentes é mostrada na figura abaixo.

agora

Cada um desses componentes são descritos detalhadamente, como se segue.


Agora-OSM: OpenStreetMap

Após a ocorrência de um desastre, há uma necessidade urgente de mapas para apoiar os esforços humanitários, especialmente em países em desenvolvimento. Em resposta a isso, o projeto OpenStreetMap (OSM) vem sendo usado com o objetivo produzir mapas de áreas afetadas por desastres. Apesar do crescente uso na Gestão de Desastres, pesquisas com o objetivo de compreender como ocorre a colaboração entre comunidade do OSM, tomadores de decisão e comunidade local afetada por um desastre ainda estão em um estágio inicial. Nesse contexto, esta pesquisa tem como objetivo desenvolver uma abordagem para sistematizar o mapeamento colaborativo em Gestão de Desastres. Para tanto, será definido um conjunto de métodos que propõe suprir essa lacuna de pesquisa.

Principal pesquisador: Roberto dos Santos Rocha


Agora-VOS: Volunteer As Sensor

Atualmente, entre todos os eventos extremos, inundações podem causar mais danos e mortes do que qualquer outro tipo de evento. O monitoramento constante de enchentes requer informações em tempo real. Para isso, é necessário uma variedade de sensores para monitorar os tipos de variáveis ambientais. Em particular, a informação voluntária oferece uma grande oportunidade para a obtenção de informações sobre as variáveis ​​ambientais, uma vez que os cidadãos podem agir como “sensores”. No entanto, essas informações estão dispersas em diferentes fontes de dados que não estão relacionados uns com os outros, dificultando o acesso a eles. Assim, esta pesquisa
tem como objetivo desenvolver uma estrutura orientada a serviço para recuperar informações de diferentes fontes, em especial informações voluntárias, e assim armazená-las. Além disso, essa estrutura é baseada no Sensor de Observação de Serviço (SOS) para fazer observações disponíveis.

Principal pesquisador: Livia Castro Degrossi


Agora-SM: Dynamic Sensor Management

Os desastres naturais, como inundações, secas e tempestades causam estragos e muitas mortes em todo o mundo, e nos últimos anos, o Brasil tem uma grande frequência de inundações em comparação com outros fenômenos. Atualmente, a informação disponível é insuficiente para as comunidades em gestão de inundações, porque eles não são atualizados em tempo real. Assim, os dados de sensores estáticos, sensores acoplados a Unmanned Aerial System (UAS) e de seres humanos como sensores, podem ser integrados para mitigar danos causados ​​pelas inundações. No entanto, a gestão destes biossensores heterogêneos baseados na web em tempo real, considerando o contexto dinâmico destas situações, é um desafio. Portanto, este projeto tem como objetivo desenvolver um middleware orientado a serviços que utiliza protocolos padrão a partir da iniciativa Sensor Web Enablement (SWE) para descobrir o acesso dos geosensores heterogêneos envolvidos na gestão de inundações.

Principal pesquisador: Luiz Fernando Ferreira Gomes de Assis.


Agora-IFM: Information Fusion and Management

Os desastres naturais, como inundações e tempestades, são fenômenos que causam um
grande dano para as pessoas em áreas urbanas e rurais, motivando ações de prevenção
e reação a esses acidentes. Tais ações devem considerar várias fontes de informação
em diferentes cenários de forma a gerar bons resultados. Neste contexto, o objetivo
deste trabalho é desenvolver uma arquitetura geoespacial flexível para fornecer
informações às autoridades (tais como a Defesa Civil) e comunidades com o objetivo
de apoiar a tomada de decisão que visa aumentar a capacidade de resistência da
população contra as inundações.

Principal Pesquisador: Raul Eduardo Simoni Castanhari.


Agora-DS: Decision Support

Abordagens desenvolvidas com foco na melhoria do processo de tomada de decisão, por meio de informações em tempo real precisa e qualificada, são importantes porque uma decisão executada de maneira indesejável ou com base em um dado errado, tem a chance de criar sérios problemas e danos irreversíveis. Nesse contexto, este projeto tem como objetivo desenvolver uma abordagem para apoiar o processo de tomada de decisão na gestão de inundações com base em uma plataforma de software que depende das seguintes fontes de dados: informação voluntaria entregues por cidadãos que vivem em áreas afetadas, juntamente com as previstas por órgãos oficiais ou obtidos a partir de sensores.

Principal pesquisador: Flávio Eduardo Aoki Horita.